Cerimônia Comemorativa

Autores: Viktoria Klara Lakatos Osorio , Marisa Helena Gennari de Medeiros

Editores Associados: Leila Cardoso Teruya

Última atualização em 24/12/2020

A reforma estatutária da USP, aprovada por decreto estadual em 16 de dezembro de 1969, determinou a instalação dos Institutos de Ciências Básicas, entre eles o Instituto de Química, formados pela reunião de cadeiras e departamentos afins das várias instituições da universidade. O novo Estatuto entrou em vigor no dia 01 de janeiro de 1970, dando início formal aos Institutos, os quais, portanto, completaram 50 anos em 2020.

A cerimônia oficial da comemoração do Jubileu de Ouro do Instituto de Química ocorreu no dia 11 de março de 2020, no Anfiteatro Camargo Guarnieri no Campus Butantã da USP, com início às 17 horas, reunindo dirigentes, docentes, funcionários, alunos e familiares de homenageados.

Após a execução do Hino Nacional e a apresentação do Grupo de Sopros da Orquestra Sinfônica da USP, o Diretor do Instituto de Química, Prof. Paolo Di Mascio, cumprimentou as autoridades presentes e demais participantes do evento e deu início às comemorações, festejando 50 anos do Instituto de Química e também 85 anos do curso de Química da USP. O texto do seu pronunciamento está disponível para download no [link].

Foi a seguir projetado o vídeo institucional comemorativo do Jubileu, com duração de 7:54 min, disponível na página eletrônica do Instituto [link].

O Vice-Diretor Pedro Vitoriano de Oliveira apresentou o seu levantamento sobre o Instituto de Química em números, ressaltando que “passados 50 anos, o Instituto de Química possui atualmente 126 professores, 190 servidores, 672 alunos de graduação, cerca de 400 alunos de pós-graduação, 96 pós-doutores e cinco pesquisadores colaboradores, todos atuando de forma colaborativa e positiva para construir um Instituto cada vez melhor”.

A Profa. Senior Shirley Schreier, que se graduou em 1961 no curso de Química, ainda vinculado à antiga Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL) da USP, discorreu sobre a história do Instituto, inserindo a narrativa no contexto dos acontecimentos nacionais e mundiais das diversas épocas, desde o início do curso de Química, em 1935, na recém-criada FFCL, alojado no prédio da Faculdade de Medicina por 4 anos e depois num prédio próprio na Alameda Glette, passando pela mudança para a Cidade Universitária em 1966 até a reforma universitária, em 1969, que resultou na criação do Instituto de Química. A apresentação está disponível para download no [link].

Seguiu-se o pronunciamento do Reitor Vahan Agopyan. “Estamos comemorando a constituição e a consolidação de um instituto que é um orgulho para a USP e para toda a sociedade paulista. As instituições não surgem do nada. Há sempre uma história por trás de tudo, um trabalho intenso de várias pessoas para a construção de uma instituição de sucesso. Em 1934, nossos fundadores tinham a visão de que a educação de qualidade é imprescindível para a construção de uma sociedade. Nós temos que manter essa visão. Mesmo que as condições atuais não sejam as mais favoráveis, elas nos motivam a trabalhar ainda mais, produzir mais e fazer a diferença em nosso Estado”.

O Diretor Paolo Di Mascio ofereceu ao Reitor o brinde símbolo do Jubileu, uma escultura inspirada no monumento comemorativo da inauguração dos prédios do Conjunto das Químicas na Cidade Universitária, em 1966.

O Prof. Paulo Alves Porto, docente de História da Ciência e Ensino de Química do IQ, deu início às homenagens aos fundadores do Curso de Química da USP. Após um pequeno relato biográfico sobre Heinrich Rheinboldt, professor contratado na Alemanha em 1934 para implantar o curso de Química na recém-criada USP [link], convidou o Prof. Hans Viertler, da turma de ingressantes de 1959 na FFCL da USP e ex-diretor do Instituto, para entregar o brinde símbolo do Jubileu ao bisneto de Rheinboldt, Artur Augusto de Arruda Rheinboldt.

Na sequência, o Prof. Paulo Porto apresentou uma breve biografia de Heinrich Hauptmann, contratado em 1935 para ser assistente científico do Prof. Rheinboldt [link] e convidou a Profa. Liliana Marzorati, da turma de ingressantes de 1969 na FFCL da USP e docente de Química Orgânica do IQ, para entregar o brinde a Lucia Hauptmann, neta do homenageado.

Foram também homenageados outros pioneiros da história do Instituto - a Profa. Blanka Wladislaw e o Prof. Giuseppe Cilento, professores titulares que dedicaram a vida toda à instituição e Jandyra França, que foi assistente do Prof. Hauptmann e a primeira mulher a defender doutorado na USP. As homenagens foram entregues, pelo Prof. Paulo Roberto Olivato para a Profa. Liliana Marzorati, discípula da Profa. Blanka, pela Profa. Ohara Augusto para José Cordeiro Cilento, filho do Prof. Cilento e pela Profa. Marisa Helena Gennari de Medeiros para Cecília Barzaghi, filha de Jandyra França Barzaghi e Luciano Barzaghi, ambos graduados em 1937, na primeira turma, constituída por 4 formandos.

O Prof. Walter Colli, Professor Emérito e ex-Diretor do IQ, foi chamado ao palco para apresentar o próximo homenageado, o Prof. Isaias Raw [link], e entregar a ele o brinde símbolo do Jubileu. O grupo de Isaias Raw foi o primeiro a se instalar no Conjunto das Químicas, ainda em fase final de construção, na Cidade Universitária, em 1965.

O Prof. Paulo Porto retornou ao palco, para homenagear os três primeiros diretores do IQ, representados por seus familiares. O primeiro foi Simão Mathias, diretor pro tempore de janeiro a março de 1970. Após apresentar a sua biografia resumida [link], o Prof. Paulo Porto convidou o Prof. Henrique Eisi Toma, da primeira turma que recebeu diploma pelo IQ, em 1970, para entregar a homenagem à Regina Mathias, filha do Prof. Mathias.

A seguir foi prestada homenagem a Ernesto Giesbrecht, diretor do IQ de 1974 a 1978, com a apresentação de seus dados biográficos [link] e entrega do brinde a Ralph Menucci Giesbrecht, filho do Prof. Ernesto, pela Profa. Ana Maria da Costa Ferreira.

O terceiro ex-diretor homenageado foi Paschoal Senise, que exerceu dois mandatos na direção do Instituto, de 1970 a 1974 e de 1978 a 1982. O Prof. Paulo Porto apresentou a biografia [link] e convidou a Profa. Viktoria Klara Lakatos Osorio para entregar a homenagem a José Thomaz Senise, irmão do Prof. Senise.

Prosseguindo as homenagens aos ex-diretores, o Prof. Henrique Toma foi chamado ao palco para apresentar cada homenageado e convidar o colega incumbido da entrega do brinde. A Profa. Maria Júlia Manso Alves entregou a homenagem ao Prof. Walter Colli, diretor por dois mandatos, de 1986 a 1990 e de1994 a 1998. O Prof. Walter Ribeiro Terra entregou a homenagem ao Prof. Hugo Aguirre Armelin, diretor no período de 1990 a 1994. A Profa. Márcia Laudelina Arruda Temperini homenageou o Prof. Paulo Sérgio Santos, diretor de 1998 a 2002. O Prof. Bayardo Baptista Torres entregou o brinde ao Prof. Hernan Chaimovich, diretor de 2002 a 2006. O Prof. Jonas Gruber homenageou o Prof. Hans Viertler, diretor de 2006 a 2010. O Prof. Antonio Carlos Borin homenageou o Prof. Fernando Rei Ornellas, diretor de 2010 a 2014 e o Prof. Etelvino José Henriques Bechara entregou o brinde ao Prof. Luiz Henrique Catalani, diretor de 2014 a 2018.

Encerradas as homenagens aos ex-diretores, o Vice-Diretor Prof. Pedro Vitoriano de Oliveira se dirigiu ao palco para homenagear as outras categorias. Foram chamados, para receber a homenagem em nome da categoria, representantes dos funcionários aposentados, funcionários em atividade, alunos de graduação, alunos de pós-graduação e pós-doutores.

Os Chefes dos dois departamentos do Instituto, Prof. Josef Wilhelm Baader, do Departamento de Química Fundamental e Prof. Mauricio da Silva Baptista, do Departamento de Bioquímica, e os respectivos Vice-Chefes, receberam a homenagem das mãos do Diretor Prof. Paolo Di Mascio em nome de todos os professores.

Após considerações finais por parte do Diretor do Instituto, os participantes do evento foram convidados a ouvir uma apresentação musical do Coralusp e depois participar de um coquetel de confraternização.

A notícia sobre a comemoração do Jubileu de Ouro do Instituto de Química foi publicada pelo Jornal da USP, em seu número de 13 de março de 2020 [link].

PORTAL LABIQ

11/03/2020. Apresentação do Grupo de Sopros da Orquestra Sinfônica da USP, abrindo a cerimônia comemorativa do Jubileu de Ouro do Instituto de Química, no Anfiteatro Camargo Guarnieri da USP.

(Foto por Lidia Pinheiro)

11/03/2020. Prof. Paolo Di Mascio, Diretor do Instituto de Química da USP, dando início às comemorações dos 50 anos da instalação do instituto.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Apresentação do Prof. Paolo Di Mascio, Diretor do Instituto de Química.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. Cenas do vídeo institucional do IQUSP projetado na tela.

(Fotos por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. Prof. Pedro Vitoriano de Oliveira, Vice-Diretor do Instituto de Química, iniciando a sua apresentação sobre o Instituto em números.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Apresentação da Profa.Shirley Schreier sobre as origens do Instituto de Química da USP.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. A Profa.Shirley Schreier discorrendo sobre a abertura de novos campos de pesquisa na escola, após a mudança para a Cidade Universitária.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio) 

11/03/2020. Pronunciamento do Reitor Vahan Agopyan.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O símbolo do Jubileu de Ouro do Instituto de Química recebido pelos homenageados durante a cerimônia.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. Marco comemorativo da inauguração dos prédios do Conjunto das Químicas, em 25 de janeiro de 1966. Está localizado ao lado da portaria do Instituto de Química e serviu de inspiração para o símbolo do Jubileu, mostrado no slide anterior.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. Prof. Paulo Alves Porto apresentando dados biográficos de Heinrich Rheinboldt, fundador do curso de Química da USP.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Hans Viertler entregando a homenagem a Artur Augusto de Arruda Rheinboldt, bisneto de Heinrich Rheinboldt.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Paulo Alves Porto apresentando dados biográficos de Heinrich Hauptmann, fundador do curso de Química da USP e idealizador da construção do Conjunto das Químicas na Cidade Universitária.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. Profa.Liliana Marzorati entregando a homenagem a Lúcia Hauptmann, neta de Heinrich Hauptmann.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Lúcia Hauptmann agradecendo a homenagem prestada ao avô, Heinrich Hauptmann.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Paulo Roberto Olivato com a homenagem à Profa. Blanka Wladislaw, pioneira do curso de Química da USP, que foi entregue à Profa. Liliana Marzorati.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Profa. Liliana Marzorati agradecendo a homenagem prestada à Profa. Blanka Wladislaw. 

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. A Profa.Ohara Augusto entregou a homenagem a José Cordeiro Cilento, filho do Prof. Giuseppe Cilento, um dos pioneiros do curso de Química da USP. 

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. A Profa. Marisa Helena Gennari de Medeiros entregou o símbolo do Jubileu a Cecília Barzaghi, filha de Jandyra França Barzaghi, discípula de Heinrich Hauptmann e a primeira mulher a defender tese de doutorado na USP. 

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Walter Colli apresentando o Prof. Isaias Raw.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. O Prof. Walter Colli homenageou o Prof. Isaias Raw, que foi o primeiro a se instalar no Conjunto das Químicas, em 1965, com o seu grupo de pequisa.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Paulo Alves Porto apresentando dados biográficos de Simão Mathias, diretor pro tempore do Instituto de Quimica, de janeiro a março de 1970.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. O Prof. Henrique Eisi Toma entregou a homenagem à Regina Mathias, filha de Simão Mathias.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Paulo Alves Porto apresentando dados biográficos de Ernesto Giesbrecht, diretor de Instituto de Química de 1974 a 1978.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Profa. Ana Maria da Costa Ferreira entregando o símbolo do Jubileu a Ralph Menucci Giesbrecht, filho de Ernesto Giesbrecht.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Paulo Alves Porto apresentando dados biográficos de Paschoal Senise, diretor do Instituto de Química por dois mandatos, de 1970 a 1974 e de 1978 a 1982.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. A Profa. Viktoria Klara Lakatos Osorio entregou o símbolo do Jubileu ao Sr. José Thomaz Senise, irmão de Paschoal Senise.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. José Thomaz Senise agradecendo a homenagem prestada ao seu irmão Prof. Paschoal Senise.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Henrique Eisi Toma dando continuidade às homenagens prestadas aos ex-diretores do Instituto de Química.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. A Profa. Maria Júlia Manso Alves entregou o símbolo do Jubileu ao Prof. Walter Colli, diretor do Instituto de Química por dois mandatos, de 1986 a 1990 e de 1994 a 1998.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Prof. Walter Ribeiro Terra entregou o símbolo do Jubileu ao Prof. Hugo Aguirre Armelin, diretor do Instituto de Química de 1990 a 1994.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. A Profa. Márcia Laudelina Arruda Temperini entregou o símbolo do Jubileu ao Prof. Paulo Sergio Santos, diretor do Instituto de Química de 1998 a 2002.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Prof. Bayardo Baptista Torres entregou o símbolo do Jubileu ao Prof. Hernan Chaimovich, diretor do Instituto de Química de 2002 a 2006.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Prof. Jonas Gruber entregou o símbolo do Jubileu ao Prof. Hans Viertler, diretor do Instituto de Química de 2006 a 2010.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. O Prof. Antonio Carlos Borin entregou o símbolo do Jubileu ao Prof. Fernando Rei Ornellas, diretor do Instituto de Química de 2010 a 2014.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Prof. Etelvino José Henriques Bechara entregou o símbolo do Jubileu ao Prof. Luiz Henrique Catalani, diretor do Instituto de Química de 2014 a 2018.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Sr. Juarez Araújo Silveira, diretor da Shimadzu, entregou a homenagem à funcionária aposentada, secretária de Senise e Giesbrecht, Sra. Eunice Pupo A. Nogueira.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Sr. Luiz Bravo, diretor da Nova Analítica, entregou a homenagem à Sra. Angela Buscema, filha da Sra. Ausônia Massari Buscema, Secretária do Instituto na sua fase inicial e depois por vários anos, com a função transformada em Assistente de Direção.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Sr. Fábio Demétrio, representante da Merck, entregou o símbolo do Jubileu ao funcionário com mais tempo de IQUSP na ativa, Sr. Laerte Vilela da Silva, que foi homenageado em nome de todos os funcionários do Instituto.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. A Profa. Nadja Christhina de Souza Pinto, presidente da Comissão de Graduação, entregou o símbolo do Jubileu a Adriano Paulo Aparecido Pereira de Oliveira, representante dos alunos de Graduação na Congregação do IQUSP e presidente do CEQHR, homenageando todos os alunos de Graduação do Instituto.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Prof. Thiago Paixão, presidente da Comissão de Pós-Graduação, entregou o símbolo do Jubileu a Amanda da Annunciação Farhat , aluna de Pós-Graduação, homenageando todos os alunos de Pós-Graduação do IQUSP.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Prof. Leandro Helgueira de Andrade, presidente da Comissão de Pesquisa, entregou o símbolo do Jubileu a Phablo Salvio Abreu Teixeira, pós-doutor do IQUSP, homenageando todos os pós-doutores do Instituto.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. O Prof. Mauricio da Silva Baptista e a Profa. Alicia Juliana Kowaltowski, Chefe e Vice-Chefe do Departamento de Bioquímica, e os professores Josef Wilhelm Baader e Massuo Jorge Kato, Chefe e Vice-Chefe do Departamento de Química Fundamental, receberam do Diretor Paolo Di Mascio a homenagem em nome de todos os docentes do Instituto.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Prof. Paolo Di Mascio e Prof. Pedro Vitoriano de Oliveira, Diretor e Vice-Diretor do Instituto de Química, ao término das homenagens.

(Foto por Jonas Gruber)

11/03/2020. Considerações finais do Prof. Paolo Di Mascio, Diretor do Instituto de Química.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

11/03/2020. Apresentação musical do Coralusp encerrando a cerimônia.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

12/03/2020. O Instituto de Química da USP no ano do seu Jubileu de Ouro.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

12/03/2020. Portaria do Instituto de Química da USP. Homenagem aos fundadores e pioneiros do curso de Química da USP, que completa 85 anos em 2020.

(Foto por Viktoria Klara Lakatos Osorio)

Ano 1941. Professores e assistentes do curso de Química da USP (na primeira fila) e a turma de alunos do 1º ano. Em destaque, os nomes dos fundadores e pioneiros.

Auto-play - ligado