Centro de Memória

A Instituição

Jubileu de Ouro

Acervo

Galeria de Mídias

Saiba mais

Tratamento e inventário

Autores: Viktoria Klara Lakatos Osorio

Revisores: Marina Mayumi Yamashita

Editores Associados: Leila Cardoso Teruya

Última atualização: 21/07/2015

O acervo deixado pelo Professor Emérito Paschoal Ernesto Américo Senise, de valor inestimável para a preservação da história do Instituto de Química da USP, abrange tudo o que ele deixou em seu escritório no Instituto, acrescido de documentos e objetos provenientes de sua residência, tais como anotações, fotografias, livros, premiações e homenagens, relacionados com a USP, que foram doados pela família após o seu falecimento aos 21 de julho de 2011.

O tratamento preliminar do acervo teve início no dia 20 de julho de 2012, após ser firmada uma parceria entre o diretor do Instituto de Química, Fernando Rei Ornellas e a diretora do Instituto de Estudos Brasileiros (IEB), Maria Angela Faggin Pereira Leite. Os trabalhos se desenvolveram sob a orientação de Elisabete Marin Ribas, supervisora técnica do Serviço de Arquivo do IEB, acompanhada por sua equipe, nos dias 20 e 27 de julho e contaram também com a participação de funcionários da Divisão de Biblioteca e Documentação do Conjunto das Químicas. 

Voluntárias do Serviço de Arquivo do Instituto de Estudos Brasileiros e da Biblioteca do Conjunto das Químicas, trabalhando no acervo do Professor Paschoal Senise, no seu antigo escritório no Bloco 02 superior do Instituto de Química da USP. (Créditos: Viktoria Klara Lakatos Osorio)

Nos meses seguintes, uma equipe voluntária de funcionários da Biblioteca, formada por Maria Tereza Magalhães Santos, Marina Mayumi Yamashita, Edna Tiemi Yokoti Watanabe, Fátima Aparecida Colombo Paletta, José Francisco da Silva e Marlene Aparecida Vieira, deu prosseguimento a essa etapa do trabalho, finalizada em 14 de janeiro de 2013.

Tratamento preliminar do acervo: mapeamento, higienização, remoção de grampos e clipes metálicos e acondicionamento prévio. (Créditos: Marina Mayumi Yamashita e Viktoria Klara Lakatos Osorio)

Em maio de 2013, o acervo de Paschoal Senise foi submetido a um levantamento preliminar efetuado por uma equipe do Arquivo Geral da Universidade de São Paulo, coordenada por Lilian Miranda Bezerra, dentro do projeto “Por uma política de preservação da memória da docência e da pesquisa na USP”, que fora contemplado no Edital “Acervos e Patrimônio Cultural na USP”, lançado pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU) em 2012. O levantamento constatou que o acervo, com 16 metros lineares de extensão, cobre as décadas de 1940 até 2010.

Levantamento dos itens do acervo de Paschoal Senise efetuado por equipe do Arquivo Geral da USP. (Créditos: Marina Mayumi Yamashita)

Em setembro de 2013, o acervo passou por um tratamento de desinfestação, proporcionado pelo Irradiador Multipropósito de Cobalto-60 do Centro de Tecnologia das Radiações do IPEN/CNEN.

O acervo, encaixotado e desinfestado por tratamento com radiação gama efetuado no IPEN, aguardando as etapas seguintes da sua organização. (Créditos: Marina Mayumi Yamashita)

A organização do acervo, englobando a descrição e a classificação dos documentos, teve início em maio de 2015, sob a coordenação de Ana Maria de Almeida Camargo, especialista em arquivos pessoais e professora do curso de História na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP e contando com a participação de seu aluno de doutorado, José Francisco Guelfi Campos, mestre em História Social pela USP.

O prosseguimento dos trabalhos prevê inventário, formação de banco de dados, digitalização e acondicionamento definitivo. Os objetivos visados são a preservação do acervo e o seu oferecimento à pesquisa e ao conhecimento público, incluindo a divulgação por meio eletrônico, em particular mediante acesso via web, para fins educacionais, acadêmicos, históricos e institucionais. O trabalho com o acervo de Paschoal Senise irá definir a sistemática de incorporação de outros arquivos históricos que forem confiados futuramente ao Centro de Memória do Instituto de Química da USP.

Fale Conosco




Todos os campos são obrigatórios.


Enviando...

Fechar formulário